Saiba como socorrer uma criança engasgada

Um medo bastante comum entre os pais é saber como socorrer corretamente seu filho caso ele engasgue. Normalmente, o bebê é capaz de se recuperar sozinho, mas em algumas situações o auxílio para socorrer a criança engasgada é necessário.
As situações em que um bebê ou criança pode engasgar são corriqueiras, como com saliva durante o sono, catarro quando estiver resfriado ou até durante a alimentação, mesmo durante a amamentação. Conhecer os procedimentos para prestar o socorro à criança ajuda a evitar situações mais graves, mantendo o controle da situação na chamada “Hora de Ouro”, os primeiros 10 minutos entre uma ocorrência e os primeiros socorros.
Veja a seguir quais os procedimentos devem ser realizados:

Criança engasgada consciente

  • Posicionar o bebê de bruços em cima de seu braço e efetuar 5 compressões entre as escápulas (no meio das costas);
  • Virar o bebê de barriga para cima em seu braço e efetuar 5 compressões sobre o esterno (osso que divide o peito ao meio), na altura dos mamilos;
  • Tentar visualizar o corpo estranho e retirá-lo delicadamente;
  • Se não conseguir, repetir as compressões até a chegada a um serviço de emergência (pronto socorro ou hospital).

criança engasgada

Criança engasgada inconsciente

  • Deitar o bebê de costas em seu braço e liberar as vias aéreas (boca e nariz);
  • Verificar se o bebê respira;
  • Se o bebê não respira, efetuar 2 respirações boca-a-boca;
  • Observar expansão torácica; se não visualizar movimentos respiratórios, repetir a liberação das vias aéreas e as 2 respirações.

Atenção: Sempre que a criança engasgada perder a consciência, pedir ajuda especializada ou ligar para o Serviço de Emergência (192 ou 193).
Confira a matéria do Fantástico (Rede Globo) exibida em 14 de maio de 2017 que relata o caso de um bebê salvo por um funcionário de uma estação de trem de São Paulo, após ter engasgado. O repórter Ernesto Paglia conta o caso:
https://www.youtube.com/watch?v=wPcr8_MEgZ4