Aprenda a massagear seu bebê

Se você ama receber massagem, porque seu bebê não gostaria? Você sabia que há muitos benefícios nessa prática? A construção de confiança, o estimulo de vários sistemas do corpo, o aumento do movimento e coordenação, o alívio de dores e cólicas são alguns exemplos. O objetivo em geral é fazer com que o bebê se sinta seguro e amado.

A melhor hora para realizar uma massagem é quando você e seu bebê estiverem calmos e nunca depois de uma noite mal dormida ou uma tarde agitada. Os especialistas recomendam que seja feita pelo menos 20 minutos após a alimentação, mas não muito perto da hora de dormir.

Além de um momento de tranquilidade, tudo que você precisa  é um ambiente aquecido, música suave, toalhas, óleo de bebê e claro, manter suas mãos quentes.

Existem diversos tipos de técnicas, mas a maneira mais simples é usar movimentos suaves e lentos. Comece pelos pezinhos, com movimentos circulares e leves. Vá subindo lentamente em direção as pernas e quando chegar na barriguinha faça movimentos circulares no sentido horário (isso ajuda muito a evitar as cólicas) depois finalize com os bracinhos mantendo o mesmo ritmo.

Durante a massagem mantenha o bebê de barriga para cima e fique atenta: se ele apresentar algum sinal de desconforto pare imediatamente. Não esqueça de higienizar suas mãozinhas para evitar que coloque o óleo na boca.

Quando terminar, vista-o lentamente para manter a sensação de relaxamento.  Você vai se sentir tão calma quanto seu bebê.