Suspensa a comercialização de andadores Infantis | Hemocord Magazine

Suspensa a comercialização de andadores Infantis

Você acha muito confortável deixar seu bebê no andador enquanto faz outras coisas? Saiba que a Justiça decidiu suspender a comercialização, em todo o país, de andadores infantis. Em julho deste ano, o Inmetro reprovou todas as marcas de andadores fabricadas no Brasil, após a realização de testes. Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), o equipamento coloca crianças em risco de acidentes graves. Médicos afirmam que a mobilidade proporcionada pelo andador é inadequada à etapa de vida do bebê. Com ele, seu pequeno pode aproximar-se de lugares perigosos como fogões, piscinas, escadas, produtos tóxicos, etc. O texto publicado que informa a decisão afirma:

“Pelo só fato das especificidades e da natureza do produto que se destina a bebês e crianças na fase de aprendizado do ato de caminhar, portanto, em situação biológica de vulnerabilidade potencializada, seja proibida a comercialização visando assegurar os direitos fundamentais à vida e à segurança”.

13342354

De acordo com a SPB, no ano passado, 850 crianças de 7 a 15 meses receberam atendimento médico emergencial por acidentes em andadores, sendo 60% delas com lesão na cabeça.

(fonte www1.folha.uol.com.br)