Quarentena e pós-parto

Quarentena: conheça os cuidados necessários no período e no pós-parto

O período do pós-parto, conhecido como quarentena, é um período delicado na vida da mulher. Depois de passar pela experiência da gravidez e pela hora de dar a luz, o corpo já passou por tantas transformações que é difícil saber quais delas serão permanentes ou não.

Por isso, é muito importante tomar alguns cuidados na quarentena para garantir a saúde da nova mamãe e deixa-la forte e preparada para cuidar do recém-nascido.

E quais são esses cuidados? O que pode ser feito?

Cuidados no pós-parto e na quarentena

Os cuidados no pós-parto e na quarentena sempre são motivo de discussões. Isso porque a sabedoria popular sobre o assunto traz muitas opiniões adversas. Por exemplo, há muitos anos, acreditava-se que mulheres na quarentena não podiam lavar os cabelos.

Hoje em dia, no entanto, sabe-se que isso é um mito. Manter a higiene em dia é muito importante para a recuperação. Além disso, como muitas das vitaminas da mãe são carregadas pelo leite materno, lavar o cabelo é uma maneira de deixá-lo mais forte.

Uma meia verdade sobre o assunto é que, após o parto, a mulher deve ficar em repouso absoluto. Ainda que não seja recomendado levantar peso ou fazer muito esforço, pequenas atividades rotineiras e exercícios leves fazem bem para a saúde da mulher.

Por último, outro tópico muito discutido é a abstinência sexual durante a quarentena. O recomendado é que, sim, a mulher não faça sexo com penetração nos primeiros quarenta dias após o parto. Isso porque a região vaginal ainda está cicatrizando e o ato sexual pode inserir bactérias na região.

Além disso, estudos mostram que a libido feminina diminui nessa época, porque os níveis de estrogênio ficam bem baixos. Por isso, é melhor ser paciente e esperar que a cicatrização ocorra e os níveis hormonais voltem ao normal.

O que pode e o que não pode durante a quarentena

quarentena interna

Preparamos uma lista com o que pode e o que não pode durante a quarentena, mas vale lembrar que é muito importante consultar o médico. Essas são apenas dicas, que certamente serão úteis!

Pode: Fazer exercícios

Exercícios físicos de baixo impacto, como caminhadas e hidroginástica, podem ser praticados mesmo durante a gestação. Eles fortalecem a musculatura e previnem a flacidez pós-parto.

Não pode: Engravidar

Muitas pessoas que querem ter mais de um filho preferem ter uma gravidez logo depois da outra.

Mas engravidar na quarentena pode trazer riscos. A Organização Mundial da Saúde e o Ministério da Saúde recomendam que a próxima gravidez ocorra após pelo menos um ano, idealmente após dois anos da última gestação.

Além do corpo da gestante precisar de um tempo para se recuperar, estudos indicam que um intervalo pequeno pode encurtar a gravidez seguinte.

Pode: Tomar um banho completo

Manter a higiene pessoal em dia é importante para a cicatrização. Logo que puder ficar de pé, a mãe já pode tomar um banho completo, inclusive lavar o cabelo. O absorvente genital, utilizado após o parto, pode ser trocado por absorventes internos em, aproximadamente, 2 semanas após o parto.

Não pode: Fumar e beber bebidas alcoólicas

Além de atrapalhar a recuperação do corpo da mulher, o cigarro e a bebida têm componentes químicos que não fazem bem ao bebê que está sendo amamentado.

Pode: Tomar medicamentos

Em muitos casos, o médico pode receitar medicamentos para a gestante. Mas ela só pode tomar o que for recomendado, porque alguns remédios podem prejudicar o bebê por meio do leite materno. Na dúvida, pergunte ao seu médico.

Não pode: Receber visitas o tempo todo

Tanto o bebê quanto a mãe precisam descansar, e receber notícias muito longas ou muito frequentes pode trazer transtornos a uma nova rotina que já tem suas próprias dificuldades.

Mas não são só dificuldades: a vida da mulher na quarentena também traz muitas descobertas, amor e alegria. Que tal organizar um ensaio newborn para o seu bebê e eternizar esse momento em lindas fotos?